sexta-feira, outubro 06, 2006

O começo de tudo é sempre difícil e excitante!

Expectativas, dúvidas, ansiedades, alegrias, sonhos, receios. Escrever não é diferente. Desde a primeira palavra já sentimos um friozinho na barriga e é inevitável uma pergunta, será que seremos entendidos? Porque o texto trás muito mais do que linhas e parágrafos, trás pensamentos, divagações e sentimentos. Trás a alma de quem o escreve, com a esperança de dividir com o leitor o que passa no mais íntimo das suas idéias. O texto tem a intenção de trocar olhares e contextos através da imaginação. Ele não tem cor, não tem cheiro e não tem preconceitos, pode ter todas as formas ou nenhuma se o leitor quiser, mas sempre tem coração. Por essas e muitas outras razões tive tanta resistência em criar um blog e não sei por quanto tempo ele irá durar. Serei eu, digna de tamanha responsabilidade? De tamanho privilégio, escrever?

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin